CINEMA MUNDO ECONOMIA CULTURA ESPORTES EDUCAÇÃO CONCURSOS CIÊNCIAS & SAÚDE
SEGUNDA-FEIRA, 18 DE JUNHO DE 2018
ULTIMA NOTÍCIA:
Com árbitro de vídeo omisso, Brasil fica no empate com a Suíça
BUSCAR
   
  Notícias
Acontecendo
Africa
América do Sul
Automóveis & Motocicletas
Beleza
Brasil
Brasilia
Ciência & Saúde
Cinema & Teatro
Concursos & Emprego
Conteúdo
Cultura
Diversidade
Ecologia
Economia
Editorial
Educação
Entretenimento
Esportes
Gastronomia
Gente
Goiânia e Centro-Oeste
Goiás
Impecheament
Jurídico
Meio Ambiente
Moda
Mulher
Mundo
Música e Ritmos
Noite Rio
Planeta Criança
Policia
Politica
Poluição
Porto Alegre
Religião
Rio de Janeiro
RioPress
São Paulo
Saúde
Tecnologia
Tocantins
Turismo
União
Página Inicial / Notícias / Economia
  Economia
 
A fabricante de alimentos Kraft Heinz trará novos produtos para o Brasil
Data Publicação:08/06/2018
A subsidiária brasileira da fabricante de alimentos Kraft Heinz prepara-se para trazer mais produtos da matriz americana para o país. Em julho, a maionese Kraft estreará no mercado brasileiro. Será o primeiro item da marca, com mais de 500 produtos nos Estados Unidos, a ser lançado no Brasil. A produção será local, na fábrica da empresa em Goiás. Com o lançamento, a companhia pretende engrossar a participação de mercado no segmento de molhos e condimentos. Atualmente, as marcas Quero e Heinz têm 7,3% de mercado em valor, na média do ano de 2017, segundo a consultoria Euromonitor. Boa parte disso vem das marcas da Quero, terceira maior na categoria, comprada pela Heinz antes mesmo de o fundo 3G adquirir a empresa americana em 2013. A Heinz, que começou a ser produzida no Brasil em 2013, tem 2,6% de participação no segmento de molhos e condimentos.


Fonte:Exame- Portal new tarde



Nome:
E-Mail:
+ Notícia(s)
- Congresso no Rio de Janeiro debate Gestão Corporativa
- País deixa de fazer mais de 33% das obras antiapagão
- Procon diz que 72% das reclamações da Black Friday estão concentradas em três empresas
- Brasil fica quase na lanterna do crescimento mundial
- Brasil cresce só 0,1% no 3º tri com gastos públicos e quadro é de estagnação
- Meta de superávit em 2015 deve ser de 1,2%, diz Levy
- Ibovespa chega a cair mais de 6% no primeiro dia após vitória de Dilma
- PIB registra queda de 0,6% no segundo trimestre
- Salário mínimo previsto para 2015 será de R$ 788,06
- Governo abre crédito extraordinário de R$ 1,304 bilhão
Paginação:
     
MAIS PROCURADOS
Empresa
Reclamações
Regras de publicação


 
PRODUTOS
Publicidade
Artigos Acadêmicos
 
INTERAÇÃO
Contato / Reclamações / Sugestões
 
 
Folha do Brasil - Todos os Direitos Reservados de 2004 a 2014.