CINEMA MUNDO ECONOMIA CULTURA ESPORTES EDUCAÇÃO CONCURSOS CIÊNCIAS & SAÚDE
TERÇA-FEIRA, 19 DE JUNHO DE 2018
ULTIMA NOTÍCIA:
Guarda Civil lança campanha para tentar evitar acidentes com uso de pipas com cerol, em Goiânia
BUSCAR
   
  Notícias
Acontecendo
Africa
América do Sul
Automóveis & Motocicletas
Beleza
Brasil
Brasilia
Ciência & Saúde
Cinema & Teatro
Concursos & Emprego
Conteúdo
Cultura
Diversidade
Ecologia
Economia
Editorial
Educação
Entretenimento
Esportes
Gastronomia
Gente
Goiânia e Centro-Oeste
Goiás
Impecheament
Jurídico
Meio Ambiente
Moda
Mulher
Mundo
Música e Ritmos
Noite Rio
Planeta Criança
Policia
Politica
Poluição
Porto Alegre
Religião
Rio de Janeiro
RioPress
São Paulo
Saúde
Tecnologia
Tocantins
Turismo
União
Página Inicial / Notícias / Brasil
  Brasil
 
Partidos firmam termo com TSE para combate às fake news
Data Publicação:06/06/2018
Representantes de dez partidos políticos assinaram um termo de compromisso com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para evitar a divulgação de notícias falsas durante as campanhas para as eleiçōes deste ano. O grupo se reuniu em Brasília com o presidente do órgão, Luiz Fux, na última terça-feira (5).

Embora os 35 partidos registrados no TSE tenham sido convidados a participar da reunião, apenas os seguintes compareceram e assinaram o documento: DEM, PCdoB, PSDB, PDT, PRB, PSC, PSD, PSL, PSOL e Rede.

O TSE, no entanto, admitiu não ter informado previamente o teor do encontro e permitiu que as demais legendas assinem o acordo até o dia 21 de junho.

Para Fux, a participação dos partidos no combate às chamadas fake news firma uma “colaboração dos homens de bem”. O presidente do TSE destacou que a atuação não cabe apenas à imprensa ou aos partidos políticos, mas também aos eleitores.

Embora não cite exemplos, o texto afirma que em democracias ocidentais consolidadas “já se verificou a manipulação de notícias, combinada com o impulsionamento por robôs e perfis automatizados”.


Fonte:Yahoo.com



Nome:
E-Mail:
+ Notícia(s)
- Alckmin ofereceu cargo para Álvaro Dias desistir de candidatura
- Promessa de Ciro Gomes é uma declaração de guerra: destruir o MDB
- CBF pede a Globo que canarinho deixe de ser chamado de pistola
- Fundo público respondeu por 86,5% do orçamento dos partidos em 2017
- Greve, Copa e incerteza política desaceleram economia brasileira
- Bolsonaro diz que vai partir para o liberalismo e terá base de 300 deputados
- Militarização do governo Temer se consolida com a efetivação de general militar na Defesa
- Deixado de escanteio, Plano Nacional de Educação não tem boas perspectivas para 2019
- Editorial: O Justificando te convida a fazer parte desta história
- Bolívia reforça fronteira com Brasil após roubo de armas
Paginação:
     
MAIS PROCURADOS
Empresa
Reclamações
Regras de publicação


 
PRODUTOS
Publicidade
Artigos Acadêmicos
 
INTERAÇÃO
Contato / Reclamações / Sugestões
 
 
Folha do Brasil - Todos os Direitos Reservados de 2004 a 2014.