CINEMA MUNDO ECONOMIA CULTURA ESPORTES EDUCAÇÃO CONCURSOS CIÊNCIAS & SAÚDE
DOMINGO, 21 DE JULHO DE 2019
ULTIMA NOTÍCIA:
Chefe da Lava Jato no Rio diz que STF barra a maior parte das investigações de lavagem
BUSCAR
   
  Notícias
Acontecendo
Africa
América do Sul
Automóveis & Motocicletas
Beleza
Brasil
Brasilia
Ciência & Saúde
Cinema & Teatro
Concursos & Emprego
Conteúdo
Cultura
Diversidade
Ecologia
Economia
Editorial
Educação
Entretenimento
Esportes
Gastronomia
Gente
Goiânia e Centro-Oeste
Goiás
Impecheament
Jurídico
Meio Ambiente
Moda
Mulher
Mundo
Música e Ritmos
Noite Rio
Planeta Criança
Policia
Politica
Poluição
Porto Alegre
Religião
Rio de Janeiro
RioPress
São Paulo
Saúde
Tecnologia
Tocantins
Turismo
União
Página Inicial / Notícias / Brasil
  Brasil
 
Instituto quer construir último projeto de Niemeyer para Brasília até 2014
Data Publicação:16/12/2012

O Instituto João Goulart quer construir, até 2014, a última obra de Oscar Niemeyer para Brasília – o Memorial a Jango. A empreitada, orçada em R$ 15 milhões, tem patrocínio da Petrobras e Eletrobras e apoio da Lei Rouanet, do Ministério da Cultura, além da cooperação da Secretaria de Cultura do Distrito Federal (DF). O memorial deve ser construído no Eixo Monumental, entre a Catedral Militar Rainha da Paz e o Memorial Juscelino Kubitschek.

Segundo a Secretaria de Cultura, o texto para a audiência do instituto com o governador do DF, Agnelo Queiroz, já foi concluído. Deve ser assinado um termo de cooperação com o governo distrital para formalizar a cessão de uso do terreno ao instituto.

Niemeyer, que morreu no último dia 5, havia se manifestado sobre a importância da obra, ressaltando que procurou ser explícito sobre o afastamento do ex-presidente – último eleito antes dos governos militares.

“Quem conhece a história de João Goulart, sabe como ele foi violentamente afastado do cargo com o golpe militar de 1964, que durante 20 anos pesou sobre o nosso país. E isso eu procurei marcar na minha arquitetura, da forma mais clara, com uma grande flecha vermelha a atingir a cúpula projetada", disse na ocasião. No projeto, a seta tem a inscrição do ano de 1964, em alusão ao ano do golpe.

O Instituto João Goulart, com sede no Rio de Janeiro, reúne o acervo referente ao ex-presidente. “Criamos o instituto e o memorial para contar às novas gerações a história da queda da democracia brasileira e do estadista João Goulart, contando porque, quando e como os americanos o depuseram”, disse João Vicente Goulart, filho de Jango e presidente do instituto.

João Vicente busca concluir as obras da edificação com 1.760 metros quadrados até 2014 para que os brasileiros “não só vejam a Copa do Mundo, mas reflitam sobre o que ocorreu no país há 50 anos: o golpe de Estado que encerrou o governo de Jango e iniciou a ditadura militar”. Segundo o presidente, o memorial será interativo, com um banco de dados de imagens e depoimentos.




Fonte:ag Brasil



Nome:
E-Mail:
+ Notícia(s)
- Semana da Constelação Familiar: de 11 a 19/03
- STJ concede habeas corpus a deputado federal João Rodrigues por prescrição de prazo
- Equipe econômica de Guedes terá nove nomes do governo Temer
- FHC revela voto nulo em segundo turno das eleições presidenciais
- Aposentadoria integral ficará mais difícil a partir da semana que vem
- McDonalds demite funcionário que emprestou batata para o Burger King
- Homem coloca fogo em um morador de rua em Santos (SP)
- João de Deus, suspeito de abusos sexuais, se entrega à polícia em Goiás
- Por segurança, sinal de celular na Esplanada será bloqueado na posse de Bolsonaro
- Na mira de Bolsonaro, indulto de natal é ato final de Michel Temer
Paginação:
     
MAIS PROCURADOS
Empresa
Reclamações
Regras de publicação


 
PRODUTOS
Publicidade
Artigos Acadêmicos
 
INTERAÇÃO
Contato / Reclamações / Sugestões
 
 
Folha do Brasil - Todos os Direitos Reservados de 2004 a 2014.