CINEMA MUNDO ECONOMIA CULTURA ESPORTES EDUCAÇÃO CONCURSOS CIÊNCIAS & SAÚDE
QUARTA-FEIRA, 17 DE OUTUBRO DE 2018
ULTIMA NOTÍCIA:
Caçadores de nazistas: casal é condecorado pelo governo francês
BUSCAR
   
  Notícias
Acontecendo
Africa
América do Sul
Automóveis & Motocicletas
Beleza
Brasil
Brasilia
Ciência & Saúde
Cinema & Teatro
Concursos & Emprego
Conteúdo
Cultura
Diversidade
Ecologia
Economia
Editorial
Educação
Entretenimento
Esportes
Gastronomia
Gente
Goiânia e Centro-Oeste
Goiás
Impecheament
Jurídico
Meio Ambiente
Moda
Mulher
Mundo
Música e Ritmos
Noite Rio
Planeta Criança
Policia
Politica
Poluição
Porto Alegre
Religião
Rio de Janeiro
RioPress
São Paulo
Saúde
Tecnologia
Tocantins
Turismo
União
Página Inicial / Notícias / Politica
  Politica
 
Bolsonaro tem 59% dos votos válidos e Haddad, 41%, aponta Ibope
Data Publicação:16/10/2018
O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, abriu 18 pontos de diferença do seu adversário Fernando Haddad (PT).

Segundo pesquisa Ibope divulgada na noite desta segunda-feira, o deputado tem 59% dos votos válidos e Haddad, 41%.

A contagem, que exclui brancos, nulos e indecisos como a Justiça Eleitoral faz no dia da eleição, confirma a onda conservadora que quase deu a vitória em primeiro turno ao presidenciável do PSL.

No primeiro turno, Bolsonaro teve 46% dos votos válidos e Haddad, 29%.

A sondagem do Ibope, de âmbito nacional, ouviu 2.506 eleitores entre os dias 13 e 14 de outubro.

A margem de erro da pesquisa, contratada pela TV Globo e pelo jornal O Estado de São Paulo, é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, e o levantamento tem o registro BR01112/2018 no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O intervalo de confiança é de 95%.


Fonte:Yahoo.com



Nome:
E-Mail:
+ Notícia(s)
- Goias, Goiânia:PMDB goiano diz que Iris não precisa de prazo para definir candidatura
- Por estabilidade social, Temer tenta aproximação com sem-teto e sem-terra
- Deputados já falam em reajustar o próprio salário, que passaria para R$ 39,3 mil
- Publicadas no Diário Oficial exonerações de ministros do governo Dilma
- Waldir Maranhão anula votação do impeachment na Câmara
- Impeachment: Cunha define que deputados do Sul votarão primeiro
- Ação pede revogação de nomeações antes da votação do impeachment
- 61% apoiam impeachment de Dilma e 58%, de Temer, diz Datafolha
- Planalto estranha parecer de Janot sobre Lula
- “Estou assustado com a República de Curitiba”, diz Lula em telefonema interceptado
Paginação:
     
MAIS PROCURADOS
Empresa
Reclamações
Regras de publicação


 
PRODUTOS
Publicidade
Artigos Acadêmicos
 
INTERAÇÃO
Contato / Reclamações / Sugestões
 
 
Folha do Brasil - Todos os Direitos Reservados de 2004 a 2014.