CINEMA MUNDO ECONOMIA CULTURA ESPORTES EDUCAÇÃO CONCURSOS CIÊNCIAS & SAÚDE
QUARTA-FEIRA, 17 DE OUTUBRO DE 2018
ULTIMA NOTÍCIA:
Caçadores de nazistas: casal é condecorado pelo governo francês
BUSCAR
   
  Notícias
Acontecendo
Africa
América do Sul
Automóveis & Motocicletas
Beleza
Brasil
Brasilia
Ciência & Saúde
Cinema & Teatro
Concursos & Emprego
Conteúdo
Cultura
Diversidade
Ecologia
Economia
Editorial
Educação
Entretenimento
Esportes
Gastronomia
Gente
Goiânia e Centro-Oeste
Goiás
Impecheament
Jurídico
Meio Ambiente
Moda
Mulher
Mundo
Música e Ritmos
Noite Rio
Planeta Criança
Policia
Politica
Poluição
Porto Alegre
Religião
Rio de Janeiro
RioPress
São Paulo
Saúde
Tecnologia
Tocantins
Turismo
União
Página Inicial / Notícias / Politica
  Politica
 
Kim Kataguiri anunciará candidatura à presidência da Câmara
Data Publicação:08/10/2018
Quarto deputado federal mais bem votado em São Paulo, Kim Kataguiri (DEM) anunciará nesta segunda (8) sua candidatura à Presidência da Câmara, hoje sob guarda do colega de partido Rodrigo Maia.

"Regimentalmente, não preciso da autorização de ninguém. Meu partido é o MBL, e nele eu tenho consenso", diz sobre a possibilidade do veterano barrar a ideia dentro da legenda.

O DEM terá a nona maior bancada da nova legislação, empatado com o PSDB (29 parlamentares eleitos cada). Um tombo para as duas legendas, que hoje têm, respectivamente, 43 e 49 deputados. O PT de Fernando Haddad e o PSL de Jair Bolsonaro formarão as maiores bancadas, com 56 e 52 representantes.

Para Kim, um dos fundadores do MBL (Movimento Brasil Livre), a influência dos núcleos partidários terá menos força na nova legislação. Ele diz que pretende chegar à liderança da Casa "com pressão das redes sociais e apoio dos novos parlamentares direitistas".


Fonte:Yahoo.com



Nome:
E-Mail:
+ Notícia(s)
- Bolsonaro tem 59% dos votos válidos e Haddad, 41%, aponta Ibope
- Qual o limite da loucura do meu adversário?, diz Haddad
- Paulo Guedes diz que é natural existir dúvidas sobre agenda de privatizações
- Bolsonaro diz que vai propor criação de urna auditável
- Ao criticar visões extremas de Bolsonaro, Economist volta a chamar candidato de ameaça
- Marconi Perillo, ex-governador de Goiás, é preso pela PF
- Bolsonaro dispara: Sua hora vai chegar, marmita de corrupto preso
- Datafolha: Bolsonaro vence 2º turno com 58% dos votos válidos; Haddad fica com 42%
- Mourão rebate Bolsonaro: tenho minhas opiniões
- Desde Diretas-Já, Brasil nunca teve virada no segundo turno da eleição presidencial
Paginação:
     
MAIS PROCURADOS
Empresa
Reclamações
Regras de publicação


 
PRODUTOS
Publicidade
Artigos Acadêmicos
 
INTERAÇÃO
Contato / Reclamações / Sugestões
 
 
Folha do Brasil - Todos os Direitos Reservados de 2004 a 2014.