CINEMA MUNDO ECONOMIA CULTURA ESPORTES EDUCAÇÃO CONCURSOS CIÊNCIAS & SAÚDE
TERÇA-FEIRA, 23 DE OUTUBRO DE 2018
ULTIMA NOTÍCIA:
Para Alexandre de Moraes, defesa de fechamento do STF é ‘absurdo atentado verbal’
BUSCAR
   
  Notícias
Acontecendo
Africa
América do Sul
Automóveis & Motocicletas
Beleza
Brasil
Brasilia
Ciência & Saúde
Cinema & Teatro
Concursos & Emprego
Conteúdo
Cultura
Diversidade
Ecologia
Economia
Editorial
Educação
Entretenimento
Esportes
Gastronomia
Gente
Goiânia e Centro-Oeste
Goiás
Impecheament
Jurídico
Meio Ambiente
Moda
Mulher
Mundo
Música e Ritmos
Noite Rio
Planeta Criança
Policia
Politica
Poluição
Porto Alegre
Religião
Rio de Janeiro
RioPress
São Paulo
Saúde
Tecnologia
Tocantins
Turismo
União
Página Inicial / Notícias / Politica
  Politica
 
Com frases desconexas e pregação, Cabo Daciolo rouba a cena no debate da Band
Data Publicação:10/08/2018
Benevenuto Daciolo Fonseca dos Santos é candidato a presidente pelo Patriota. Bombeiro e pastor evangélico, Daciolo está em seu primeiro mandato como deputado federal. Apesar de se identificar com pautas conservadoras, ele começou sua carreira política no PSOL. Acabou sendo expulso do partido no quarto mês de mandato e migrou para o PTdoB —que mais tarde mudaria o nome para Avante— e em seguida foi PEN que também decidiu mudar para Patriota.

Daciolo começou sua carreira política ao liderar a greve de bombeiros no Rio de Janeiro. Acabou perdendo o cargo e ficou nove dias preso no complexo penitenciário de Bangu. Recebeu anistia do então governador Sérgio Cabral. Abusando da sinceridade e do uso de informações de origem duvidosa, ele movimentou as redes sociais durante o debate.


Fonte:Yahoo.com



Nome:
E-Mail:
+ Notícia(s)
- Para Alexandre de Moraes, defesa de fechamento do STF é ‘absurdo atentado verbal’
- Ministro da Cultura acusa Roger Waters de receber R$ 90 milhões para difamar Bolsonaro
- Fala sobre fechar STF não é motivo para alarde, diz filho de Bolsonaro
- Coligação de Ciro entra com ação contra Bolsonaro no TSE por escândalo do WhatsApp
- Datafolha: Eleitores de esquerda aumentam vantagem de Bolsonaro
- Bolsonaro afirma que não irá participar de debates no segundo turno
- Bolsonaro diz não ter controle sobre ação de empresas no WhatsApp
- Datafolha mostra Bolsonaro com 59% e Haddad com 41% dos votos válidos
- Parte do PT está "se lixando" para Haddad, diz Cid Gomes
- Bolsonaro tem 59% dos votos válidos e Haddad, 41%, aponta Ibope
Paginação:
     
MAIS PROCURADOS
Empresa
Reclamações
Regras de publicação


 
PRODUTOS
Publicidade
Artigos Acadêmicos
 
INTERAÇÃO
Contato / Reclamações / Sugestões
 
 
Folha do Brasil - Todos os Direitos Reservados de 2004 a 2014.