CINEMA MUNDO ECONOMIA CULTURA ESPORTES EDUCAÇÃO CONCURSOS CIÊNCIAS & SAÚDE
SEGUNDA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2018
ULTIMA NOTÍCIA:
Pesquisadores criam IA capaz de burlar sistemas de impressão digital
BUSCAR
   
  Notícias
Acontecendo
Africa
América do Sul
Automóveis & Motocicletas
Beleza
Brasil
Brasilia
Ciência & Saúde
Cinema & Teatro
Concursos & Emprego
Conteúdo
Cultura
Diversidade
Ecologia
Economia
Editorial
Educação
Entretenimento
Esportes
Gastronomia
Gente
Goiânia e Centro-Oeste
Goiás
Impecheament
Jurídico
Meio Ambiente
Moda
Mulher
Mundo
Música e Ritmos
Noite Rio
Planeta Criança
Policia
Politica
Poluição
Porto Alegre
Religião
Rio de Janeiro
RioPress
São Paulo
Saúde
Tecnologia
Tocantins
Turismo
União
Página Inicial / Notícias / Mundo
  Mundo
 
Trump minimiza violações dos direitos humanos no regime de Kim Jong Un
Data Publicação:14/06/2018
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, minimizou nesta quarta-feira as violações dos direitos humanos cometidas pelo regime de Kim Jong Un, assinalando que outros países também fazem "coisas más".

Um dia após seu histórico encontro com Kim, em Singapura, Trump declarou que "muitas outras pessoas fizeram coisas verdadeiramente más". "Acredito que poderia ir a muitas nações onde já fizeram várias coisas ruins".

Em entrevista à Fox News, o presidente americano elogiou Kim como "um cara inteligente" e um "grande negociador". "Acredito que nos entendemos".

Segundo o departamento americano de Estado, o regime de Kim mantém entre 80 mil e 120 mil presos políticos em campos de trabalho forçado, enfrentando torturas e fome.

Kim também é suspeito de ordenar, no ano passado, o assassinato de seu irmão, envenenado em um aeroporto da Malásia.

Em um encontro histórico em Singapura, na terça-feira, Trump e Kim concordaram em trabalhar para eliminar as armas nucleares da península coreana.

Os críticos temem que a cúpula tenha legitimado Kim e afirmam que a reunião serviu mais para a exposição na mídia do que para progressos reais.

Na entrevista à Fox News, Trump também elogiou o presidente da China, Xi Jinping, que chamou de "cara incrível", e destacou que ele é "um presidente essencialmente vitalício", algo "muito bom".


Fonte:Yahoo.com



Nome:
E-Mail:
+ Notícia(s)
- EUA elogiam postura de Bolsonaro sobre o Mais Médicos com Cuba
- Brasileiro é condenado a prisão perpétua por matar tios e primos na Espanha
- Encontrada nova superterra próxima ao nosso planeta
- Assassinato interrompe sessão em Congresso do México
- China quer lançar até 2020 “lua artificial” para iluminação noturna
- Caçadores de nazistas: casal é condecorado pelo governo francês
- Paul Allen, cofundador da Microsoft, morre de câncer, diz família
- ONGs alertam que fome alcança níveis alarmantes em 60 países
- Óvnis são avistados por 6 aviões comerciais no norte do Chile
- Idosa de 96 anos tinha fortuna de centenas de milhões - e nem mesmo sua família sabia
Paginação:
     
MAIS PROCURADOS
Empresa
Reclamações
Regras de publicação


 
PRODUTOS
Publicidade
Artigos Acadêmicos
 
INTERAÇÃO
Contato / Reclamações / Sugestões
 
 
Folha do Brasil - Todos os Direitos Reservados de 2004 a 2014.