CINEMA MUNDO ECONOMIA CULTURA ESPORTES EDUCAÇÃO CONCURSOS CIÊNCIAS & SAÚDE
SEXTA-FEIRA, 17 DE AGOSTO DE 2018
ULTIMA NOTÍCIA:
PMs ajudam adolescente durante parto dentro de banheiro em casa de Aparecida de Goiânia
BUSCAR
   
  Notícias
Acontecendo
Africa
América do Sul
Automóveis & Motocicletas
Beleza
Brasil
Brasilia
Ciência & Saúde
Cinema & Teatro
Concursos & Emprego
Conteúdo
Cultura
Diversidade
Ecologia
Economia
Editorial
Educação
Entretenimento
Esportes
Gastronomia
Gente
Goiânia e Centro-Oeste
Goiás
Impecheament
Jurídico
Meio Ambiente
Moda
Mulher
Mundo
Música e Ritmos
Noite Rio
Planeta Criança
Policia
Politica
Poluição
Porto Alegre
Religião
Rio de Janeiro
RioPress
São Paulo
Saúde
Tecnologia
Tocantins
Turismo
União
Página Inicial / Notícias / Mundo
  Mundo
 
Confronto entre nazistas e antifascistas deixa cidade americana em estado de emergência
Data Publicação:13/08/2017
Neste sábado (12.08), a cidade universitária de Charlottesville, no Estado americano de Virgínia, vive momentos de tensão ao ser palco de um confronto de proporções gigantescas entre os supremacistas brancos e antifascistas.
Durante o embate a cidade chegou a decretar estado de emergência através de seu Twitter oficial. A violência é a resposta de uma passeata da extrema direita e descaradamente nazista, que aconteceu na noite de sexta-feira (11.08). “Sim, eu sou nazista, eu sou nazista, sim”, anunciou um dos presentes no evento em entrevista à CNN. “Gays, negros, imigrantes imundos, todos eles se manifestam e recebem apoio por isso. Por que quando homens brancos decidem gritar por seus direitos e sua sobrevivência vocês fazem esse escândalo?”, questionou outro. “Eu aprendi com meu pai que precisamos defender a raça branca e hoje estou passando este ensinamento para a minha filha”, revelou, à BBC Brasil, uma mãe, ao lado de sua filha de 14 anos.
“Aquilo foi uma parada covarde de ódio, fanatismo, racismo e intolerância”, comentou o prefeito da cidade, que participa dos protesto a favor da diversidade racial que acontecem hoje. “A Constituição permite que todo mundo tenha o direito de expressar sua opinião de forma pacífica, então aqui está a minha: não só como prefeito de Charlottesville, mas como membro e ex-aluno da universidade de Virginia, fico mais do que incomodado com essa demonstração não-autorizada e desprezível de intimidação visual em um campus universitário”, completou. No dia hoje, ainda se espera a presença de nomes importantes da democracia americana.


Fonte:Yahoo.com



Nome:
E-Mail:
+ Notícia(s)
- Estado Islâmico mata casal dos Estados Unidos que dava volta ao mundo
- Motorista da Uber teria matado taxista e ferido outros dois no Chile
- Coreia do Norte limita visitas de grupos turísticos chineses
- Quênia prende suspeito de matar rinoceronte-negro
- Polícia fecha aeroporto em Berlim após confundir vibrador com explosivo
- Custo da guerra na Síria chega a quase US$ 400 bilhões, diz ONU
- A humanidade já consumiu mais recursos do que a Terra consegue gerar em 2018
- Explosão perto do aeroporto de Bolonha deixa um morto e mais de 50 feridos
- Adolescente palestino morre em Gaza após confrontos na fronteira com Israel
- Maduro foi vítima de tentativa de ataque durante parada militar, diz governo
Paginação:
     
MAIS PROCURADOS
Empresa
Reclamações
Regras de publicação


 
PRODUTOS
Publicidade
Artigos Acadêmicos
 
INTERAÇÃO
Contato / Reclamações / Sugestões
 
 
Folha do Brasil - Todos os Direitos Reservados de 2004 a 2014.